domingo, 28 de março de 2010

Portas



Abraçamos a partida,
Mas nem sempre estamos de braços abertos para a volta.
Sentimentos velhos vêm e vão...
O medo ou o desejo de que ele venha e te leve com ele.

Doloroso e sentir o tempo todo que deixou algo importante pra traz.

As palavras que ficam
Junto aos retalhos de vidas antes unidas...

A vida é como uma porta...

Bata algumas vezes,
Certifique-se de que há realmente alguém

E se eu abrir...
Apenas não me perca de novo.


Carlos Frei
Foto: Google

Um comentário:

  1. oi Carlos... adorei seu blog. delicioso! já estou te seguindo

    ResponderExcluir